quarta-feira, 28 de junho de 2017

Estou com sintomas de saudade

Eu só quero que você saiba Que eu estou pensando em você Agora e sempre mais Eu só quero que você ouça A canção que eu fiz pra dizer Que te adoro cada vez mais E que eu te quero sempre em paz Estou com sintomas de saudade Estou pensando em você Como eu te quero tanto bem Aonde for não quero dor Eu tomo conta de você Pois te quero livre também Como o tempo vai o tempo vem Eu só quero que você caiba No meu colo porquê Eu te adoro cada vez mais Eu só quero que você siga Para onde quiser Que eu não vou ficar muito atrás Estou com sintomas de saudade Estou pensando em você Como eu te quero tanto bem Aonde for não quero dor Eu tomo conta de você Pois te quero livre também Como o tempo vai o vento vem Eu só quero que você saiba Que eu estou pensando em você Pois te quero livre também Como o tempo vai o vento vem Porque eu te quero livre também Como o tempo vai o vento vem 
marisa monte

terça-feira, 27 de junho de 2017

segunda-feira, 26 de junho de 2017

Tanta Saudade

Era tanta saudade, é pra matar
Eu fiquei até doente, eu fiquei até doente menina
Se eu não mato a saudade, é "deixa estar"
Saudade mata a gente, saudade mata a gente menina

Chico Buarque

domingo, 25 de junho de 2017

Sentir saudade é como sentir você por aqui

Eu ando por ai ,meio perdida ,tão sem graça , com riso no rosto lagrima na alma .
Tão triste tão calma ,mil perguntas ,nenhuma resposta .
Uma dor no peito que tem nome de saudade ,não quero que cure !!!Não quero que acabe .
Sentir saudade é como sentir você por aqui ,e ao mesmo tempo é te sentir tão longe ...
Mas quero que saiba que jamais desistirei de nós dois ,Sou sua lembrança viva ,sou sua saudade ativa ,sou seu sorriso na lagrima , sua ausência e dor . Sou a historia guardada ,sou sua voz calada ,sou sua historia e amor !!!
Sou sua voz na infância, ,sua alegria ,seus brinquedos ,sou sua adolescência florida ,seu caminhar sem feridas ,sou seu jardim da juventude em flor .
Sou aquele grito ,a dor ,sem despedida , sou seu corpo inerte sou a a lagrima ,o desacreditar da verdade ,sou a dor cravada no peito ,sou a indagação ,sou a tristeza dos amigos ,sou as lagrimas ,a patida ,sou uma mãe que sem jeito tenta sem ti continuar ....edm@fcosta ... junho 2014

sexta-feira, 23 de junho de 2017

Saudades!

Saudades!
em pedacinhos de emoção dentro da gente...
Saudades!
Um pedacinho de outra pessoa dentro da gente...
Saudades!
Alguma coisa da gente que outra pessoa levou...
Saudades!
Alguma coisa do passado,está no presente,e fica no futuro...
Saudades!
Das coisas...dos lugares...das pessoas...
Saudades!
De alguem,muito de alguem..

quinta-feira, 22 de junho de 2017

só pensando em te ter mais uma vez aqui

Letícia

"Tantas noites acordado só pensando em você 
tantas noites acordado só tentando entender
porque não posso estar perto de ti
só pensando em te ter mais uma vez aqui 

até agora tento entender
porque não consigo ficar sem pensa em você
porque não consigo fica sem dizer 
que eu quero ter você aqui de novo perto de mim 

quando fecho os olhos lembro de tudo que passou de tudo que aconteceu de tudo que agente viveu 
não sei se você lembra de mim 
assim como lembro de você 
da gente 

tantas noites acordado só pensando em você 
noites acordado tentando entender
porque não posso estar perto de ti 
só pensando em te ter mais uma vez aqui
junto de mim 


até agora tento entender 
porque não consigo fica sem pensa em você
porque não consigo fica sem dizer 
que eu quero ter você aqui de novo junto de mim 
mais uma vez 
queria pode estar ao lado teu 
mais uma vez 
só mais uma vez 

ate agora quero te mostrar que eu nunca te esqueci
fiz essa canção para pode você lembra de mim 

assim como eu lembro de você

Quero Ter Você Aqui de Novo Perto de Mim


quarta-feira, 21 de junho de 2017

Ai que saudade d'ocê

...Faz tempo que eu não te vejo
Ai que saudade d'ocê

Se um dia ocê se lembrar
Escreva uma carta pra mim
Bote logo no correio
Com a frase dizendo assim
Faz tempo que eu não te vejo
Quero matar meu desejo
Te mando um monte de beijo
Ai que saudade sem fim...
Geraldo Azevedo